João e Maria.

 
Novamente Maria foi lançada ao universo, até então, nunca mais visitado.
Foi tão de repente que não estava preparada para as velhas novidades dos acasos, das conquistas, das trocas de olhares e das conversas fiadas.
Maria está nesse mundo de novo, sem entender o porquê, mas com gana de buscar seu querer.
Nesse chão, subitamente encontra João, de novo. De um jeito novo.
E ainda sem vontade de se permitir, Maria tem o capricho de colocar-se no lugar onde não deveria ter saído.

1 comentários:

Donaella disse...

Acho que não existe lugar certinho, buscamos uma zona de conforto e que a sua seja doce!
Beijos querida

Postar um comentário

Deixe seu lapso aqui.